Processo ocioso CPU alta

Imagine que você abriu o Gerenciador de Tarefas do Windows e percebe que a maior parte da CPU está sendo ocupada por algo chamado Processo ocioso do sistema. Isso pode estar deixando seu computador quente, diminuindo a vida útil do seu sistema.

Embora você possa ficar preocupado com o fato de esse processo estar ocupando grande parte da largura de banda de processamento da sua CPU, normalmente não é um problema. Na verdade, isso pode ser considerado um comportamento normal.

Isso até que se torne um problema.

Noções básicas do processo de inatividade do sistema

Quer saber o que é o processo de inatividade do sistema? Uma explicação simples é que é um processo que gera threads quando nenhum outro thread está programado para ser executado. Você pode pensar nisso como um indicador de quão ocupado (ou ocioso) seu computador está.

Se alguns aplicativos estiverem em execução, a utilização desse processo pode ser alta, resultando no problema de alta CPU do processo ocioso.

Como verificar a utilização da CPU

E se você estiver executando outros aplicativos e seu computador começar a ficar lento – mas o processo ocioso retém uma alta utilização da CPU? Você gostaria de saber por quê.

Em sua busca por respostas, uma abordagem básica seria abrir o Gerenciador de Tarefas do Windows e dar uma olhada no que está sendo executado.

Pressionar os botões do teclado CTRL + Shift + ESC abre o Gerenciador de Tarefas, onde você pode visualizar os processos e serviços na memória. A partir daqui, você pode verificar visualmente os itens que pararam de responder. Se você encontrar um, clique com o botão direito nele e escolha Finalizar tarefa.

gerenciador de tarefas

Você também pode entrar no aplicativo e tentar fechá-lo a partir daí. Da mesma forma, uma reinicialização do sistema é uma maneira fácil de limpar tudo de uma só vez.

Pesquisar um processo específico no Google ajudará você a descobrir o que é esse software. Se você não usá-lo mais, você pode desinstalá-lo. Ou tente procurar por esse nome de programa específico + CPU alta. Há uma boa chance de sua CPU não suportar um aplicativo, ou o aplicativo tem um bug em sua versão atual que causa um loop que sobrecarregará sua CPU. É mais comum do que você pensa!

Atualizando drivers de CPU e chipset

Se você não atualizou os drivers do chipset da sua placa-mãe, o novo software pode não conseguir interagir com ele corretamente. Se você perceber que um dispositivo, programa ou sistema operacional falhou repentinamente ou não funciona mais conforme o esperado, talvez seja necessário atualizar seus drivers.

Windows pode tentar atualizar os drivers

Sabendo que o sistema operacional nem sempre encontra o driver certo, você pode hesitar até mesmo em conceder o esforço ao Windows. Ainda assim, experimente.

Use a caixa de pesquisa na barra de tarefas para encontrar e abrir o Gerenciador de dispositivos. Ao fazer isso, encontre o dispositivo incorreto, clique com o botão direito do mouse e escolha atualizar o driver. Vá com a opção de deixar o Windows procurá-lo automaticamente.

Procure um motorista à moda antiga

Nem todos os drivers são criados iguais, nem são igualmente fáceis de encontrar.

Em sua busca pelo driver correto, você precisará de detalhes sobre o hardware para garantir que o correto seja encontrado. Esses detalhes incluem fabricante, modelo e até mesmo número de série.

Uma vez (ou se) você encontrar o driver, faça o download. Você pode voltar ao Gerenciador de dispositivos e optar por instalá-lo manualmente.

Deixe o software automatizado fazer o trabalho para você

Há sempre opções que poderiam ter facilitado a vida.

Software, como Driver Support, permite a automação de manter os drivers atualizados. Usá-lo pode economizar tempo e evitar problemas no futuro.

Outros Cenários a Considerar

Embora os drivers possam causar muitos problemas, há outros fatores a serem considerados.

Às vezes, outros aplicativos de software aumentam a CPU. Isso pode ser devido a um programa que parou de responder. Também pode estar relacionado ao código que abre objetos ou recursos, mas não os limpa da memória uma vez feito com eles.

Seja um aplicativo defeituoso ou um vazamento de memória, simplesmente desligar o software problemático pode ser a solução. Se os problemas persistirem, entre em contato com o fabricante para obter orientação.

O suporte ao driver pode ajudar a corrigir a CPU alta do processo ocioso

Existem muitos cenários em que os motoristas acabarão sendo os culpados – alguns mais óbvios do que outros. É reconfortante saber que existe uma solução que pode funcionar para você em segundo plano.

Desde 1996, os usuários confiam Suporte ao motorista para ajudar a aliviar sua dor quando se trata de encontrar drivers para dispositivos com mau comportamento.

Top